Conceitos

Afinal, o que é SCM?

Mas afinal, o que é SCM? O que é Supply Chain? É Logística? É distribuição? É planejamento?

Na verdade, para encontrar um conceito, seria mais fácil dizer que é tudo isso. SCM, ou Supply Chain Management é o termo em inglês para Cadeia de Suprimentos, uma área vital para todos os tipos de empresas, sejam elas do primeiro, segundo ou terceiro setor. E vamos mostrar que SCM pode ser interpretado não apenas como uma área da empresa, mas sim como uma política de melhorias.

Antigamente, o termo utilizado para designar esta área de atuação era Logística Integrada, porém seu conceito tinha como base olhar somente para dentro da própria empresa, ou seja, para o seu ambiente interno. Porém, em um mundo cada vez mais globalizado, onde as empresas criam parceiras para garantir melhores custos, surgiu a necessidade de se analisar também os ambientes externos, como fornecedores, parceiros de negócio, clientes. E desta evolução o termo SCM ganhou muito mais força.

O Dicionário APICS, 13ª edição, define o gerenciamento da cadeia de suprimentos como “o projeto, o planejamento, a execução, o controle e o monitoramento das atividades da cadeia de suprimentos com o objetivo de criar valor líquido, construir uma infra-estrutura competitiva, aproveitar a logística mundial, sincronizar o suprimento com a demanda, e medir o desempenho globalmente “. Ou seja, SCM é o conjunto de áreas e atividades que fazem com que uma empresa possa planejar, produzir e entregar os produtos ou serviços de maneira que gere valor e, consequentemente, lucro.

                “the design, planning, execution, control, and monitoring of supply chain activities with the objective of creating net value, building a competitive infrastructure, leveraging worldwide logistics, synchronizing supply with demand, and measuring performance globally.” SCM Concept, Apics Dictionary, 13th Edition.

Dentro de uma área de SCM é possível encontrar diversas Sub áreas: Planejamento de Vendas (Demanda), Planejamento de Materiais, Planejamento de Produção, Produção, Logística e Distribuição, Compras, etc. São os responsáveis por fazer com que a necessidade de um produto seja capturada no mercado (tema para um próximo post) e produzido, e com isso, todas as interfaces entre as áreas desta cadeia são necessárias para garantir que este ciclo completo funcione.

Os principais objetivos da Cadeia de Suprimentos estão sempre relacionados em garantir um melhor rendimento nas diversas atividades que compõe seu ciclo:

– Uma melhor assertividade no planejamento;

– Busca constante por fornecedores com boa entrega vs bom custo;

– Melhoria no processo de fabricação, seja tornando-o mais ágil ou com menor custo, mas sempre preservando a qualidade;

– melhores experiências de entrega para o cliente final: agilidade, tracking correto;

– Melhoria contínua;

Com isso, fica claro que SCM não é um conceito simples, e sim uma série de oportunidades e ações que precisam ser monitoradas e constantemente revisadas para garantir que as áreas que compõem este negócio estejam em constante melhoria e crescimento.

Vamos abordar os temas referente a tudo que envolve SCM daqui pra frente. Então fica aqui a minha pergunta: E você, Como vê este conceito? O que mais tem para adicionar sobre Cadeia de Suprimentos? Como você entende esta área?

Anúncios

Um comentário em “Afinal, o que é SCM?”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s